16/01/2017

Dons no mundo do trabalho

Prática dos dons no mundo do trabalho




Cada um exerça o dom que recebeu para servir aos outros, administrando fielmente a graça de Deus em suas múltiplas formas.
1 Pedro 4, 10

Há muito para ser explorado no tempo quantitativo e qualitativo em que passamos no mundo do trabalho.  sempre teremos lacunas a preencher.  O mais importante é observar e empreender pequenas atitudes.

Nascemos com pelo menos um dom natural na vida. Geralmente transitamos entre um e três dons (talentos).  O dom/talento é aquilo que fazemos bem, com bons resultados e com o qual ficamos satisfeitos. 

Todos devem cravar com exatidão qual é o seu dom principal e investir nele, mergulhando nas qualificações que produzirão potencialidade. Com isso, o dom é desenvolvido, elevado e os frutos aparecem de qualquer forma, mais cedo ou mais tarde. 

Mas o cristão verdadeiro, além do dom natural, recebe do Espírito Santo o dom espiritual, conforme a vontade soberana dele.  O Espírito Santo distribui de um a três dons, em média. Os dons espirituais estão descritos na Bíblia.  

O que fazer com os dons espirituais ?  Deixá-los em casa quando partimos para o trabalho na segunda-feira ?  Exercitá-los apenas no âmbito da igreja local ?  Não, jamais.

Dons naturais e espirituais são mesclados e intercambiáveis. Deus deseja que os usemos com constância.  Por exemplo:  Se alguém precisa de ajuda no seu trabalho, use este dom em prol de quem necessita.  Você até pode dizer que não tem esse dom, mas eu lhe digo: peça ao Espírito Santo para que lhe dê esse dom ocasionalmente.  E faça o que precisa ser feito!

Se prestar atenção ao seu redor. Se você conhece bem o seu dom natural e espiritual, use-os em prol dos que estão ao seu redor, seja no lar, no trabalho, na escola, onde se diverte ou mesmo na rua.

Nunca se esqueça: você é cristão, entre outras coisas, para abençoar pessoas.

Tenha uma semana ricamente abençoada.






09/01/2017

Fé e Trabalho - Atitude

Atitude

Atitude é uma pequena coisa que faz uma grande diferença.
Clarice Lispector




Diz o ditado popular que o inferno está cheio de gente com boas intenções.  Pura verdade.

Quem sabe você possa fazer uma grande diferença em 2017 ?  Sempre iniciamos o ano cheio de metas. Resultado geral ? Não executamos a maioria delas. 

O problema é que somos procrastinadores por excelência. Contribui a vida agitada e inflacionada de informações e compromissos.

Um dos caminhos para superar as boas intenções que não saem do papel ou do pensamento é justamente investir em atitudes.  Atitude é execução. Execução necessita de disciplina até atingir o objetivo.

Incorpore neste ano a imprescindível atitude. Por exemplo, nesta semana, sem pestanejar, coloque no papel duas atitudes que você deve tomar.  Não as procure, você já as conhece bem.  Apenas proporcione as condições para que elas virem realidade.

Qual atitude você tomará para o bem de algum (ou alguns) colega de trabalho ? Ou da família ? 

Qual atitude tomará para crescer profissionalmente ?  Curso, leituras, autoavaliação, um insight oferecido ao seu chefe ou equipe etc, etc.

Não recolha suas ideias, sugestões, mudanças, seja o que for aos escaninhos de seus pensamentos. Não os estacionem lá.  Parta para atitudes.  Elas podem e devem ser corrigidas ao longo do caminho. Não duvide, quem realiza, executa, pratica é quem tem chance de alcançar sucesso.

Se você for cristão, peça a Deus a provisão do Espírito Santo. Ele é o nosso amigo e abençoador. 


Tenha uma semana ricamente abençoada e de atitudes.

21/12/2016

Deus conosco




E isto vos servirá de sinal: encontrareis uma criança envolta em faixas e deitada em manjedoura e deitada e manjedoura.
E, subitamente, apareceu com o anjo uma multidão da milícia celestial, louvando a Deus e dizendo:
Glória a Deus nas maiores alturas, e paz na terra entre os homens, a quem ele quer bem.
(Lucas 2, 12-14)


Como podemos entender os atos de Deus em relação aos homens ? Se gastarmos um dedinho de tempo, uma pitada de paciência e fios de sinceridade, não mais do que isso, chegaremos ao triste fato: quem somos nós para que Ele nos dispense tanto amor ?  Por que Ele insiste em andar conosco ?

Cá com meus botões, examinando as Escrituras Sagradas, inclino-me a crer, sem a mínima condição de mensurar, na bondade inesgotável de Deus.  Criou-nos com o DNA da escolha.  O que Ele deseja ?  Que o reconheçamos, livremente, como nosso Criador, Senhor, Salvador e Amigo fidelíssimo. Ele espera pela atitude de cada um ao se deparar com Ele (Deus sempre vem ao nosso encontro), reconhecendo quem Ele é, e, nesse momento, olhemos para dentro de nós e assumamos nossa carência e necessidade dele.  Trata-se do encontro existencial mais importante para qualquer ser humano, em qualquer canto da terra, em qualquer época.

Sempre pensando e amando suas criaturas especiais (João 3, 16), na época mais importante de toda história, fez o improvável: enviou seu Filho amado para resolver, definitivamente, o problema da rebeldia humana.

Contra as construções idólatras dos homens, sim, somos tecelões vagarosos de ídolos materiais e imateriais, Deus fez seu filho entrar no mundo pelo meio e forma mais inacreditáveis: simplicidade. Como assim ? Deus Filho nascido de mulher ? Como o filho do Ser Absoluto pode ter nascido em meio às palhas e cheiro de animais ?

Pois é, o natal de Jesus sinalizou (e até hoje) a inversão: o Rei Eterno não seria admirado e seguido por imposição ou costume de época. O Rei Eterno passaria a ser seguido exatamente por quem ele é e pelos atos justos, amorosos, cheios de compaixão e misericórdia pelos mais necessitados.  Para crer e seguir esse Rei, não mais seria necessário a reverência cultural ou o temor, mas a aceitação do simples e radical fato: ele veio para transformar, por dentro, cada coração, fazendo com que tudo, tudo a partir de então seja visto, crido e vivido segundo sua ótica e orientação.  Precisamos dele, desesperadamente, para tudo.

Olhemos o mundo ao nosso redor. Olhemos mais adiante. Examinemos quem é o ser humano, quando desprovido de Cristo.  Olhemos a inviabilidade dos que insistem em viver sob a ótica egoísta, soberba,  egocêntrica e cercado de ambições materiais.

Imagine se os homens/mulheres dos palácios, parlamentos, das canetas decisórias, os togados, os que constroem riquezas pelos empreendimentos, os professores, os simples e os pomposos, enfim, todos os que habitam as cidades, fossem humildes e procurassem o sentido profundo para suas vidas e o bem comum ?  Onde podem encontrar inspiração para isso ?  No menino nascido em Belém!

Mais um natal, mais uma chance para revertermos o rumo de nossas vidas. O nascimento do menino, na pequenina Belém, de pais simples, sem nenhum conforto, indica que tipo de Deus veio ao mundo. 

O que será mais importante nesse natal ? Presentes, comidas ? Ou a alegria de receber e pertencer a Jesus ?  Tenho certeza de que os presentes e as comidas serão coadjuvantes do verdadeiro natal.

O significado do verdadeiro e genuíno natal ?

Simples, diferente, definitivo: Deus veio habitar conosco!


Feliz natal!

16/12/2016

Conforme a tua vontade

Natalinas 5a.
 

 Ele será grande e será chamado Filho do Altíssimo. O Senhor Deus lhe dará o trono de seu pai Davi,
e ele reinará para sempre sobre o povo de Jacó; seu Reino jamais terá fim".
Perguntou Maria ao anjo: "Como acontecerá isso, se sou virgem? "
O anjo respondeu: "O Espírito Santo virá sobre você, e o poder do Altíssimo a cobrirá com a sua sombra. Assim, aquele que há de nascer será chamado santo, Filho de Deus.
Também Isabel, sua parenta, terá um filho na velhice; aquela que diziam ser estéril já está em seu sexto mês de gestação.
Pois nada é impossível para Deus".
Respondeu Maria: "Sou serva do Senhor; que aconteça comigo conforme a tua palavra". Então o anjo a deixou.
Lucas 1, 32-38

Três destaques no texto acima:
-   “Seu Reino jamais terá fim”.
-   “Pois nada é impossível para Deus”.
-   “Sou serva do Senhor; que aconteça comigo conforme a tua palavra”.

Somos herdeiros e beneficiários deste dia. Aquele gracioso dia em que a sombra do Espírito Santo sobre Maria cumpriu a vontade de Deus.

Chegou ao mundo o Rei cujo reinado seria totalmente diferente e invertido, segundo a lógica e prática dos homens. Seu reinado não terá fim. E já começou, está em curso, mesmo que ainda sem a totalidade vindoura, mas em porções, conforme a oração do Pai Nosso.

Até hoje, conforme a experiência de Isabel, o Senhor Deus, em seu poder, invade a terra, segundo sua vontade, para mostrar que não existe impossível para ele. Aleluia! Quantos milagres até hoje! O mesmo Deus que visitou Isabel e Maria, hoje, visita-nos, segundo sua misericórdia e graça.

O exemplo de Maria é lapidar. Provavelmente, ou com toda certeza, está ausente em nosso cotidiano tamanha fé: “ ... aconteça comigo conforme a tua palavra.”  Por outras palavras: tenho meu pensamento e vontade, mas eu quero que seja conforme a tua vontade.  Será que por este exercício de fidelidade não evitaríamos tantas dores ?


14/12/2016

Muito Favorecida

Natalinas 3a.

Botticelli


O anjo, aproximando-se dela, disse: "Alegre-se, muito favorecida! O Senhor está com você! "
Maria ficou perturbada com essas palavras, pensando no que poderia significar esta saudação.
Mas o anjo lhe disse: "Não tenha medo, Maria; você foi agraciada por Deus!
Lucas 1, 28-30


Situação insólita! Não é comum receber um anjo no quarto ou sala de estar ou mesmo na cozinha!

Aquela menina moça ficou embaraçada e com certo temor. Seu costume era, diariamente, ver com seus próprios olhos os parentes, amigos, vizinhos.  Agora, diante dela, um ser incomum invadira seus aposentos.

Creio que as palavras de Gabriel foram doces e suaves, revelando quem ela era diante de Deus. Que alegria do anjo! De fato, Maria não sabia direito quem ela era, não tinha idade para sondar sua consciência biográfica, provavelmente não tivera oportunidade nem necessidade de vasculhar sua alma, para entender as razões do seu coração.

No entanto, diante de Deus, para Deus, Maria foi a mulher dentre todas as mulheres escolhida para abrigar em seu ventre o Salvador.  Alguma coisa de especial essa moça tinha.  Não pelos seus méritos de ações altruístas, ou coisa parecida. Mas, de fato, pelo que Deus testemunhou como era seu coração, seu interior. Nosso interior é a zona mais fácil de ser burlada, falseada, dramatizada, teatralizada.  Maria foi contada como fora do comum.  Não que não tivesse pecado.  Talvez porque a maldade (um exemplo) não habitasse seu coração.

Lá estava o anjo das boas notícias entregando o carinho de Deus àquela que poderia ser contada por qualquer pessoa como improvável.

Gabriel tratou logo de reverter o medo natural de Maria. “Não tenha medo!”.  Não havia motivo para medo. O enviado veio em missão de paz.

Não temas!, você foi notada por Deus”. O Senhor, soberanamente, agradou-se dos seus pensamentos, intensões, fidelidade, bondade, humildade.  Sim, o Senhor tem prazer nessas pessoas. Lembro-me do profeta Isaías:
 Pois assim diz o Alto e Sublime, que vive para sempre, e cujo nome é santo: "Habito num lugar alto e santo, mas habito também com o contrito e humilde de espírito, para dar novo ânimo ao espírito do humilde e novo alento ao coração do contrito”.

Esses estão abertos às misericórdias e graça do Senhor.  São solícitos e receptivos, desobstruem seus ouvidos e abrem seus olhos ao que chega gratuitamente de Deus.

Maria, sem expectativa de nada, exceto de um casamento comum, recebeu a missão mais nobre da face da terra. Por isso, a mais bem-aventurada de todos os tempos.



13/12/2016

O Anjo Privilegiado

Natalinas 2016 -  2a. 

... foi o anjo Gabriel enviado, da parte de Deus, para uma cidade da Galileia, chamada Nazaré, a uma virgem desposada com certo homem da casa de Davi, cujo nome era José; a virgem chamava-se Maria.
Lucas 1, 26-27

Está na hora, chegou o tempo, disse o Criador e Soberano.

A corte celestial parou tudo. Os olhares angelicais voltaram-se para o Irradiador da voz determinante. Volta e meia, ao longo do tempo criado, a voz da Autoridade Suprema e Perfeita emite uma ordem benéfica. Até hoje.

Gabriel ouviu o chamado. Que privilégio! Recebeu a missão de anunciar o início da transformação radical dos que se perderam, distantes do Senhor.  Só isso: ouvir a mensagem de Deus e retransmiti-la. Partir da esfera celestial e rumar para a terra. Seu destino era um lugar sem eira nem beira, um canto de mundo, sem expressão, sem nome importante, sem ostentação, sem encanto. Poderia ser Jerusalém ou Roma ou ...  Não, apenas um buraco chamado Nazaré.

Uma mensagem tão importante e a destinatária seria uma jovem pobre, recém-casada, sem títulos ou linhagem real.  Provavelmente, Gabriel ficou aturdido, olhando uma moça pobre, sem instrução, recebedora de tão precioso comunicado.  No entanto, com certeza, o anjo dos anúncios determinantes depositou a total confiança no Emissor da mensagem: Ele sempre faz tudo com precisão.

Teria de ser um anúncio fora dos palácios, dos títulos honoríficos, das engrenagens religiosas, dos ritos e das riquezas.

Somente uma virgem sem muita idade, junto com seu esposo trabalhador braçal, poderia, pela simplicidade e despretensão, receber tal visita.  Não tinham nada a preservar, a defender, a inventar, a se agarrar, a prestar ferrenhamente fidelidade aos ídolos, inclusive dos próprios corações.

Somente um Deus assim sabe o que faz.  O anúncio sobre o Salvador receberia guarida numa doce, fiel e amorosa jovem.

Tenha um dia abençoado e mergulhe no espírito do nascimento do Salvador.



12/12/2016

Natalinas 2016 - 1a.


E disse-lhes: Foi isso que eu lhes falei enquanto ainda estava com vocês: Era necessário que se cumprisse tudo o que a meu respeito está escrito na Lei de Moisés, nos profetas e nos Salmos.
E , começando por Moisés, discorrendo por todos os profetas, expunha-lhes o que a seu respeito constava em todas as escrituras.
Lc 24, 44 e 27, respectivamente.


Graça e Paz!
Um grande equívoco acontece sempre quando deixamos de ler e estudar a Bíblia sem a visão do quadro inteiro, ou, por outras palavras, sem o entendimento de que se trata de uma narrativa com início, meio e fim, ou, ainda, passado, presente e futuro, tudo dentro do mesmo quadro.

Por isso, muitas vezes, os versículos e passagens tornam-se como “amuletos”, apenas para garantir e abonar o que desejamos no momento, para satisfazer algo de nossa necessidade, sem se importar se aquela passagem refere-se, obrigatoriamente, ao que estamos interpretamos.  A interpretação da Bíblia, do ponto de vista protestante, é livre, pero no mucho.

Uma das chaves de interpretação, de entendimento correto, é considerar que desde a queda do homem no Jardim do Éden (Gênesis 3) até a consumação final, vislumbrada no livro do apocalipse, Deus, em sua infinita bondade e amor, apesar da ira pela desobediência, pelo pecado do primeiro casal, ofereceu a solução para o homem, já que ele jamais poderia produzir a solução quanto ao seu drama existencial: providenciou a vinda do seu Filho, como oferta substitutiva à nossa condenação.  O ato da cruz é a maior demonstração de amor de alguém pelo outro, seja ele quem for.

Por isso, ao longo da Bíblia, devemos sempre cavar para ver a oferta maravilhosa de Deus na pessoa de Jesus Cristo, o Messias. Se a Palavra de Deus for lida e recebida assim, além de ficarmos extasiados pelo quadro geral, veremos a profundidade do amor/misericórdia/graça de Deus em nosso favor. Jesus nasceu para demonstrar quem é Deus Pai.

Por isso, Jesus desvendou os olhos dos dois amigos pelo caminho até Emaús, conforme passagem Bíblica acima.

Tenha um dia abençoado.  



https://youtu.be/tvhhqrrBCp8

03/12/2016

Igreja Presbiteriana Jardim das Oliveiras
21 dias de Oração e Jejum

20º. Dia  -   Preparação



 Meu querido, bom dia!  Paz, Graça e Bem!

Estamos aproximando do último dia da nossa Jornada de Oração e Jejum.  Algumas pessoas já estão testemunhando bênçãos.  Algumas grandes!  Glória a Deus!

Hoje, 20º. dia, eu proponho:

-   Revisar rapidamente tudo o que foi realizado e oferecido ao Senhor desde o primeiro dia;

-   Refletir se a partir desta Jornada, você será mais comprometido com a Obra de Jesus Cristo. Por outras palavras, se respondeu positivamente ao versículo tema da Jornada: “Estou aqui!  Fala, porque o teu servo ouve.”

-  Se está saindo desta Jornada mais íntimo de Deus, relacionando-se mais, experimentando mais comunhão.   Eu vou dar o meu testemunho, de pastor: Sinceramente, foi o melhor e mais abençoado período de Oração e Jejum pelo qual eu passei. Graças a Deus!

-  Amanhã, domingo, 21º. dia, não falte ao culto, seja matutino ou vespertino. Chegue rigorosamente antes das 11 horas.  Faremos algo importantíssimo: entregaremos todos os 21 dias como oferta de amor e glorificação a Deus. Faremos isso juntos. Será um domingo abençoadíssimo. Você precisa fazer de tudo para participar.  Trate para que nada obstrua sua vinda à Casa do Senhor, sua Igreja, a IPJO. 

Então, prepare hoje o dia de amanhã.

Continue orando forte e continuamente: hoje, amanhã e sempre.  Disso o Senhor se agrada. 

Encerro aqui os e-mails diários da Jornada.

Despeço-me orando por você. 



02/12/2016

O que entregar ?

21 dias de Oração e Jejum

19o. dia  -   O que entregar ?


Salmo 116, 12

Como posso retribuir ao Senhor toda a sua bondade para comigo?

Outra versão:

Que darei ao SENHOR por todos os seus benefícios para comigo?


Neste dia, o desafio é analisar a nossa vida de gratidão.  Diante de toda a provisão, em todas as áreas, como retribuir a gratidão ao Senhor ?

Exemplos:
-  Na adoração.
-  No louvor.
-  Na administração e potencialização dos recursos, seja material, intelectual ou espiritual.
-  Nos dízimos e ofertas.
-  Nos dons e talentos.
-  Na ajuda aos necessitados.

Passe o dia em oração e pedindo ao Espírito Santo para ajudá-lo.  

01/12/2016

Envia-me

Igreja Presbiteriana Jardim das Oliveiras
21 dias de Oração e Jejum
  
18o. dia  -   Envia-me



 Olá!  Graça, Paz e Bem!

Nossa jornada de oração e jejum tem um objetivo principal: responder a Deus e apresentar-se para a obra dele. 

Sugiro que de hoje até domingo, dia da entrega dos 21 dias, você, ao longo do dia, repita a resposta de Samuel ao Senhor: “Estou aqui. Fala, porque o teu servo ouve.” (2 Samuel 3)

Três considerações:
1a.)  O Senhor fala conosco por meio e através da Bíblia. Então, a leitura da Palavra de Deus é imprescindível para ouvir a voz de Deus. Sem as Sagradas Escrituras vivemos desorientados;

2o.)  Não abra mão da presença, bênção e orientação do Espírito Santo.  Peça ajuda, auxílio, presença, bênção, orientação ao Espírito de Deus. Diga: ajude-me, Espírito Santo, a ouvir a voz de meu Pai celestial.  Sem o Espírito Santo não somos ninguém. Vivemos como órfãos espirituais. Como desorientados existenciais;

3o.)  Começando por Samuel, continue como Isaías. Acrescente: “Eis-me aqui, Senhor! Envie o teu servo (Isaías 6,8)”.   Aqui está o início da sua fidelidade no tocante ao trabalho e desenvolvimento dos dons e talentos, na Igreja e no mundo. 

Lembre-se, não há nenhuma dúvida de que seremos cobrados pelo Senhor quanto ao nosso trabalho na seara dele, ou seja neste mundo, no local onde estamos (Mateus 25 e outras passagens).

Novamente, ao longo do dia, ore diversas vezes, ao sabor e orientação acima. Leia as passagens bíblicas, ouça a voz do Senhor, apresente-se a ele, agrade-se do Senhor.


Tenha um dia abençoado e empenhe-se por ser um servo fiel e operante.

30/11/2016

Intercessão

Igreja Presbiteriana Jardim das Oliveiras
21 dias de Oração e Jejum





17º. dia  -    Intercessão


 Queridos que estão firmes na Jornada de 21 dias, e demais queridos, hoje não poderíamos fazer outra coisa: vamos orar em favor dos familiares e amigos de todas as vítimas do gravíssimo acidente na Colômbia, com integrantes do time da Chapecoense e jornalistas.

Um dos privilégios do cristão é interceder por necessitados. Colocamo-nos entre o necessitado e Deus, pedindo por misericórdia, graça, bênção.

Quando intercedemos por alguém, colocamo-nos no lugar da pessoa, como se aquilo estivesse acontecendo conosco.

A oração deste dia será fervorosa se imaginarmos algum ente querido passando por aquela situação.

Ao longo do dia, lembre-se dessa tragédia e invoque o nome do Senhor, pedindo para que o Espírito Santo atue no ministério da consolação.

Tenha um dia de oração e respeito aos enlutados.





29/11/2016

Oração de batalha

Igreja Presbiteriana Jardim das Oliveiras
21 dias de Oração e Jejum




16º. Dia  -   Oração de batalha


Finalmente, fortaleçam-se no Senhor e no seu forte poder.
Vistam toda a armadura de Deus, para poderem ficar firmes contra as ciladas do diabo,
pois a nossa luta não é contra pessoas, mas contra os poderes e autoridades, contra os dominadores deste mundo de trevas, contra as forças espirituais do mal nas regiões celestiais.
Efésios 6, 10-12

O cristão colhe fraquezas quando não considera os conselhos bíblicos. Um dos conselhos consiste sobre nossas lutas. Sim, elas existem!

O apóstolo Paulo orientar-nos quanto à natureza das nossas lutas.  Muitas vezes procedemos na ilusão de que estamos rigorosamente certos quanto ao caminho, decisão, confronto etc.  No entanto, esquecemos a respeito das influências demoníacas que não cessam contra a vida do cristão.  Paulo chama isso de “setas inflamadas do Maligno” (Ef 6, 16). 

Nossas lutas materializam-se no mundo real, mas podem ter origem no mundo espiritual. 

Como devemos lutar contra isso ?   Uma das armas é a oração (há outras). Exatamente o que estamos fazendo nesses 21 dias.  Oração forte e contínua.

Sugiro:
1.       Leia Efésios 6, 10-20.  Tome conhecimento das orientações e conselhos;
2.      Proceda exatamente conforme as recomendações de Paulo;
3.      Ore com fervor para o Espírito Santo fortalecer sua vida espiritual;
4.      Ore com fervor em favor dos pastores de sua igreja, seus guias espirituais;
5.      Ore com fervor em favor da igreja local. Porque talvez você não saiba, mas o Maligno não descansa enquanto não plantar o espírito de confusão, discórdia, briga e esfriamento da fé.


Tenha um dia de preparação para as lutas/batalhas espirituais.

28/11/2016

Qual é o seu principal pedido ?

Igreja Presbiteriana Jardim das Oliveiras
21 dias de Oração e Jejum

15º. Dia  -  Qual é o seu principal pedido ?





"O que você quer que eu lhe faça? ", perguntou-lhe Jesus. O cego respondeu: "Mestre, eu quero ver! "
Marcos 10, 51

Tenho plena convicção de que vivemos aquém da plenitude e abundância que o Senhor Deus tem e disponibiliza para nós.

Eu acredito na vida cristã de abundância.  Creio porque está na Bíblia, de ponta a ponta. Não necessariamente abundância material, embora também esteja incluído.

Muitas e muitas vezes, não duvide, embora nem sempre, o Senhor Deus deseja despejar bênçãos sobre nossas vidas.  A oração é o meio pelo qual apresentamos a Deus nossos pedidos justos.  Qual o filho não tem a liberdade de fazer pedidos ao seu pai ?  O pai, que tem por obrigação do discernimento se o pedido é justo e no tempo certo, atenderá com amor.

Ora, como diz Jesus, se nós que somos maus sabemos dar coisas boas aos nossos filhos, quanto mais o Pai Celestial nos dará o que pedirmos!  (Mateus 7, 11)


Qual é o pedido principal, o que você mais precisa, que lhe fará bem e feliz, dentro dos parâmetros bíblicos ? 

Nesses últimos dias de Oração e Jejum, persista no seu pedido, no que deseja alcançar como graça do Pai.  Ore com fé.  Estamos na jornada de 21 dias para isso:  para que aconteça milagres. Ou seja, que o Senhor nos atenda, que os céus se abram e o Reino do Pai vem ao nosso encontro.

Qual é o seu pedido a Deus ?  O Senhor pergunta a você:  “O que você quer que eu lhe faça ?” 

Agrada-te do Senhor, e ele satisfará os desejos do teu coração.
Salmo 37, 4






26/11/2016

Intimidade

Jardim das Oliveiras
21 dias de Oração e Jejum


13º/14º  -   Intimidade


Fiel é Deus, o qual os chamou à comunhão com seu Filho Jesus Cristo, nosso Senhor. 
1 Coríntios 1:9

Eis que estou à porta e bato. Se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, entrarei e cearei com ele, e ele comigo. 
Apocalipse 3:20

Sabemos que permanecemos nele, e ele em nós, porque ele nos deu do seu Espírito. 
1 João 4:13

Vocês não sabem que são santuário de Deus e que o Espírito de Deus habita em vocês? 
1 Coríntios 3:16

Mas, em todas estas coisas somos mais que vencedores, por meio daquele que nos amou.
Pois estou convencido de que nem morte nem vida, nem anjos nem demônios, nem o presente nem o futuro, nem quaisquer poderes,
nem altura nem profundidade, nem qualquer outra coisa na criação será capaz de nos separar do amor de Deus que está em Cristo Jesus, nosso Senhor.
Romanos 8:37-39


Acima apenas alguns versículos que falam a respeito da comunhão de Deus conosco.

Não há nenhuma dúvida de que Deus se revela a nós (pela Bíblia) sempre com o intuito de firmar comunhão conosco. Este é o prazer de Deus: andar conosco, de mãos dadas, em relacionamento íntimo, na perspectiva de Pai para filho. 

Quando nos relacionamentos com Deus (oração, leitura e reflexão da Palavra, busca do caráter de Cristo, submisão ao Espírito Santo etc), dois dos resultados são paz e alegria.  Quer outro ? Aumento da fé!  Quer outro ? Amor. Passamos a amar as pessoas!

Neste sábado e domingo, aproveite, passe algum tempo analisando sobre seu relacionamento com Deus.  Você, provavelmente, tem dois caminhos a seguir:
-   Avalia que não tem, de fato, relacionamento com Deus. É religioso, mas não anda com Deus. Crê nele, mas não o procura em profundidade e não desfruta da comunhão diária com ele.  O que fazer ?  Entra no teu quarto em secreto, derrame-se diante do Senhor, peça perdão e oriente sua vida para crescer em comunhão.

-   Avalia que já tem comunhão com Deus.  Aqui eu digo: pode melhorar, pode ser mais profundo.   Em oração e com determinação, procure estreitar mais e mais o relacionamento com o Senhor.  Como ?  Quem sabe orando mais e com mais sinceridade. Lendo e estudando mais a Palavra.  Procurando servi-lo mais, principalmente na obra de evangelização, discipulado e serviço ao próximo.

Mais comunhão/relacionamento/intimidade com Deus é o nosso objetivo, meta, resultado.  Não podemos escapar dessa maravilha ao nosso dispor.


Chuvas de bênçãos para você nos próximos dois dias.